terça-feira, 21 de julho de 2009

Volta a França ...

Na 1ª. etapa dos Alpes (Verbier) L. Armstrong "passou" o testemunho (!?).

Rei morto, rei posto ...

Contador venceu a etapa ao ataque, enquanto Armstrong a perdeu defendendo-se e procurando, nitidamente, minimizar as perdas. Demonstrou alguma incapacidade, face ao ataque de Contador, valendo-lhe a ajuda preciosa de Kloden. Mas, por enquanto, está lá ...

Os segundos planos foram para Nibali, A. Schleck e Wiggins (a surpresa). Meias decepções: C. Evans e C. Sastre (levou tempo a engrenar). O afundanço total foi inteirinho para Menchov.

As próximas etapas dos Alpes dirão, definitivamente, se Armstromg está de saída e quem será o seu sucessor. Por enquanto, Contador canta de galo ...

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Passeios nocturnos ...

Por estas bandas - a sul de montefigo - continuam os passeios nocturnos, agora também às terças-feiras.

Partida às 20:00 horas da loja Algarcycles, em Olhão, rumo a norte: Estói, Espargueira, Azinheiro, S. Miguel (Montefigo), cerro da Cabeça, S. Catarina ou ecovia (por vezes no regresso).

Não são treinos muito exigentes (a opção é termos o maior número de participantes), mas dá para manter as pernas em actividade e libertar o stress do dia de trabalho.

Para continuar.. claro!!

segunda-feira, 13 de julho de 2009

...resistindo ao tempo...

Posted by Picasa

...flores...




Posted by Picasa

...caminhos...



Posted by Picasa

Volta a França ...

Na primeira etapa de alta montanha o ataque de Contador só rendeu 21 segundos. Conseguirá Contador fazer a diferença numa subida mais dura e prolongada? Aguardemos...

Lance Armstromg aguentou bem os ataques; quer de C. Evans, quer de Contador. Pareceu-me em boa forma. Resta esperar pela confirmação, ou não...

O que transpareceu foi um grupo de favoritos algo limitado, que não conseguiu fazer grande diferença das segundas figuras.

As duas seguintes etapas de montanha foram uma perfeita desilusão. Quem coloca o Tourmalet a 70 km do fim da etapa merece ser preso. Com todas estas incongruências, o Tour ainda não passou de um "flop". Talvez o descanso lhes faça bem...